Os 3 jogos de tênis que não poderão ser esquecidos

Há diversos motivos os quais podem fazer uma partida de tênis ser lembrada para o resto da vida, muitas vezes uma partida pode demorar uma eternidade devido à empates, clássicos entre os jogadores mais favoritos, quebra de recordes ou acontecimentos completamente inesperados.

Seria muito difícil lembrar todos os jogos que já aconteceram, mas uma coisa é certa, os jogos mais épicos da história nos entreteram com acontecimento que nos fizeram não querer desgrudar o olho da televisão nem por um segundo. Se você não lembra dessas partidas ou não às assistiu, nós iremos ajudá-lo a relembrar ou descobrir estes fatos incríveis.

3. Pete Sampras vs Andre Agassi – Quartas de final da US Open QF 2001 

Pete Sampras, Andre Agassi e Lleyton Hewitt dominaram o pódio por muitos anos, antes que os famosos “Big four” atuais entrassem para a disputa, os amantes de tênis não podiam esperar para assistir uma partida clássica destes jogadores.

Durante o campeonato US Open QF de 2001 tanto como Pete Sampras e Andre Agassi estavam determinados para ganhar esta competição. Quando começaram as quartas de finais, a tensão aumentou entre os 2 jogadores fazendo com que nenhum deles errasem nem mesmo um saque. Pete Sampras possui o seu estilo clássico com saques super difíceis, já Andre Agassi possui uma excelente recepção de saques, e cortes incríveis.

Andre Agassi começou ganhando com um set 9-7, e logo em seguida perdeu os segundo, terceiro e quarto set, fazendo com que essa partida venha a ser memorizada entre muitas pessoas que assistiram, não a pena por serem jogadores top de linha, mas pelo estilo de jogo completamente diferente e a vontade da vitória.

2. Rafael Nadal vs Novak Djokovik – Quartas de final da Rolland Garros 2012

Todos já sabemos que Rafael Nadal e Novak Djokovik fazem parte da elite do tênis mundial, o famoso “Big four” ou “grandes quatro”, mas além desta grande partida acirrada, Novak estava jogando na casa de Rafael Nadal e com muita vontade de vencer! 

O resultados dos sets ficaram 6-4, 3-6, 6-1, 6-7 (3-7) 9-7 mostrando que foi uma partida extremamente acirrada, com ambos os jogadores resistindo para ganhar a todo custo. Esta diputa durou exatamente 4 horas e 37 minutos.

1. Rafael Nadal vs Roger Feder – Final da Wimbledon 2008

Federer entrou na partida já com o espírito de vitória, desde que já havia vencido a Wimbledon por 5 vezes seguidas, incluindo a vitória de 5 sets contra Rafael Nadal em 2007, mas Nadal também queria tirar a sua revanche.

Nadal venceu uma partida extremamente acirrada com as respectivas pontuações: 6-4, 6-4, 6-7 (5-7), 6-7 (6-8), 9-7, com uma partida que durou nada menos que 4 horas e 48 minutos de show de tênis, contabilizando a partida mais longa de toda a história do campeonato Wimbledon.